O sonho da recolocação profissional de muitos brasileiros deu um passo mais largo. O DAN (Dentsu Aegis Network), grupo global de serviços de marketing para a economia digital, abriu inscrições para o processo seletivo do ITO (Inclusão, Treinamento e Oportunidade) — programa desenvolvido para alcançar pessoas fora do mercado de trabalho com foco em inclusão social. A inscrição é gratuita e pode ser realizada até o dia 17 de maio no site da própria empresa.

O programa é voltado para pessoas de 30 a 60 anos desempregadas e com dificuldades de inserção no mercado de trabalho formal. A iniciativa abrange também profissionais com ou sem curso superior, sendo que aposentados e refugiados são o público prioritário.


A MaturiJobs reúne diversas oportunidades de trabalho, capacitação profissional, além de muito networking. Clique aqui e confira.


O ITO está oferecendo 30 vagas nas áreas de mídia digital e dados de empresas de comunicação e nas agências do próprio grupo, em São Paulo, todos com temas ligados à tecnologia. Os candidatos passarão por um processo seletivo que envolve recrutamento, treinamento e contratação. Não é necessário ter experiência profissional específica.

Como será feita a seleção dos candidatos?

Após a inscrição, os candidatos deverão realizar testes de português, de raciocínio lógico e de conhecimentos gerais. Os participantes que obtiverem o melhor resultado serão convocados para uma dinâmica de grupo, que selecionará os 30 finalistas do programa. Para desenvolver suas capacidades técnicas, eles serão submetidos ainda a um workshop de quatro semanas focado em ensinar as práticas das funções da área de pesquisa, mídia e Business Intelligence.

Para ajudar na sua recolocação profissional 

Para ajudar os interessados em uma das 30 vagas, o portal do Instituto de Longevidade separou cinco dicas de como agir antes e durante o processo seletivo. Siga o passo a passo e boa sorte!

  • Faça um perfil no Linkedin e procure assuntos relevantes para atualizá-lo;
  • Faça networking. Cuide da sua rede de relacionamentos, pois ela pode ser uma ferramenta de troca de experiências incríveis;
  • Frequente cursos e palestras para ficar sempre atualizado sobre as ferramentas e técnicas da sua profissão;
  • Fuja de frases clichês na entrevista de emprego como ‘’meu problema sempre foi trabalhar demais’’;
  • Pesquise muito bem sobre a empresa na qual está se candidatando. O recrutador pode lhe fazer uma pergunta sobre a cultura da organização.


Compartilhe com seus amigos

Receba os conteúdos do Instituto de Longevidade em seu e-mail. Inscreva-se: