Casa e Família

“Empreendedoras 6.0” criam modelo de moradia contra a solidão na velhice

Morar em condomínio pode trazer muitas dores de cabeça na relação com os vizinhos. Afinal, conflitos são quase inevitáveis quando tantos perfis e personalidades diferentes são obrigados a conviver no mesmo espaço. Existe, porém, um modelo de compartilhamento de moradia que parte do princípio de afinidade entre os condôminos.

O objetivo, no caso, é que dividam muito mais que uma xícara de açúcar, vivendo, de fato, como uma comunidade, em que um ajude o outro não só em tarefas cotidianas, mas também no suporte emocional contra a solidão, muitas vezes necessário nas idades mais avançadas.