Mocinho ou vilão? Herói ou bandido? Afinal de contas, é seguro pegar empréstimo consignado? Qual seria seu papel na vida dos aposentados e pensionistas? De acordo com os especialistas no assunto, a resposta é simples: depende da maneira como você vai usá-lo.

Então, para ajudar nossos leitores a se decidirem se é seguro pegar empréstimo consignado ou não, listamos abaixo uma série de vantagens e desvantagens dessa modalidade de crédito. Confira!

É seguro pegar empréstimo consignado?

Vantagens do empréstimo consignado

1. Melhor controle das suas finanças

Seu benefício ou pensão cairá na sua conta mensalmente com a parcela do empréstimo consignado já descontada. Por isso, você será obrigado a se planejar com aquela realidade financeira, organizando as despesas para não gastar a mais do que o possível. Outra vantagem é que, com o desconto automático, você nunca perderá o vencimento, nem pagará juros por atraso.


Só quem participa do grupo de Whatsapp do Instituto de Longevidade recebe os melhores conteúdos informativos. Clique aqui e faça parte!


2. Juros mais baixos do mercado

O desconto automático diretamente do benefício ou pensão dá à instituição que concede o empréstimo consignado maior segurança e certeza de que irá receber o pagamento. Isso permite a redução dos juros cobrados e o oferecimento de mais vantagens aos clientes. Cada instituição poderá oferecer taxas de juros e opções de parcelamento diferentes, respeitando o limite máximo.

3. Crédito garantido, mesmo para quem tem nome sujo

Pessoas que estão negativadas sofrem para conseguir crédito na praça. Alguns bancos até oferecem empréstimos nesses casos, mas cobram juros exorbitantes devido ao risco de inadimplência, o que, por sua vez, ou inviabiliza o empréstimo, ou aumenta o rombo nas finanças dos já negativados. No caso do empréstimo consignado, estar ou não com o nome sujo não fará diferença, já que o valor das parcelas virá descontado do benefício ou pensão e você nem poderá optar se pagará ou não aquela dívida.

4. Indicado para se livrar de dívidas com taxas mais altas

Menores taxas de juros significam um valor final menor. Então, por que não substituir todas as demais dívidas por apenas uma do empréstimo consignado, com menores juros e mais vantagens? Pode ser bem mais vantajoso.

5. Juros pré-fixados

Ao assinar o contrato, você nunca mais será surpreendido com cobranças extras nem acréscimos no valor das parcelas. As taxas de juros são pré-fixadas em contrato, o que te permite conhecer o valor final da dívida, sem surpresas, nem aborrecimentos.

Desvantagens do empréstimo consignado

1. Pagamento sem (re)negociação de datas

Por ser descontado automaticamente, a modalidade não permite que você postergue o pagamento ou solicite uma renegociação de valores ou datas, caso preciso de dinheiro para outra finalidade.

2. Nem todo mundo tem direito

O empréstimo consignado é cedido apenas a trabalhadores com carteira assinada, pensionistas e aposentados do INSS, funcionários públicos e militares das forças armadas. Os juros dos trabalhadores com carteira assinada são um pouco superiores dos oferecidos para as demais categorias atendidas. Isso acontece porque trabalhadores celetistas possuem maior instabilidade no emprego que as demais categorias.

3. Somente para quem tem margem livre

A margem do empréstimo consignado foi estabelecida por lei para evitar um maior endividamento dos tomadores de crédito. Atualmente, a margem consignável está em 35% da renda líquida, sendo 30% para empréstimo e 5% para quitação da parcela mínima do cartão de crédito consignado. Se você já estiver com 30% de sua renda líquida comprometida com outros contratos, você não conseguirá tomar um novo empréstimo. Nesses casos, a solução mais indicada é refinanciar a dívida ou solicitar portabilidade do crédito para outra instituição financeira que ofereça taxas de juros menores.

Compartilhe com seus amigos