Uma das melhores opções de empréstimo rápido e fácil para aposentados e pensionistas do INSS é, sem dúvida alguma, o crédito consignado. Com parcelas descontadas diretamente da folha de pagamento, antes mesmo da aposentadoria ser depositada na conta, o crédito consignado dá à instituição financeira a segurança de que o valor será pago pelo contratante.

A modalidade de crédito oferece taxas de juros mais em conta que os demais serviços de empréstimo no mercado, além de maiores prazos para pagamento (podendo chegar a 72 meses). O resultado é uma inadimplência quase nula.


Notícias, matérias e entrevistas sobre tudo o que você precisa saber. Clique aqui e participe do grupo de Whatsapp do Instituto de Longevidade!


Contudo, como o dinheiro das parcelas é debitado diretamente dos benefícios, as chances de se endividar também são maiores. Por isso, o empréstimo consignado é mais indicado para quem tem juízo e uma boa organização financeira.

O economista e escritor Eduardo Moreira é especialista em finanças pessoais formado pela Universidade da Califórnia. Em seu site, o economista apresenta algumas dicas para ajudar na organização das contas. Veja abaixo algumas delas.

10 dicas para organizar suas despesas pessoais

1. Registre todas as suas despesas

Anote em um caderno ou planilha todos os seus gastos do dia a dia, especificando a natureza de cada despesa. Divida sempre em gastos fixos (contas de luz, mensalidades etc.) e gastos eventuais (jantares, diversão, compra de alimentos ou remédios etc.). É importante identificar por onde o dinheiro está saindo.

2. Não gaste além do orçamento

Compare seus gastos com sua receita. Se o saldo for positivo, parabéns, você organiza bem suas despesas pessoais. Mas se o saldo for negativo, volte na planilha de registro das despesas e veja onde acontecem os maiores gastos, se é possível reduzi-los e o que pode ser cortado.

3. Reduza os gastos

Além de enxugar as despesas desnecessárias, você também poderá adotar novos hábitos que ajudarão a economizar com contas, como não deixar luzes acesas sem necessidade, não demorar no banho, fechar a torneira enquanto escova os dentes ou enquanto ensaboa a louça, não utilizar a lavadeira para lavar pouca roupa, reduzir seu pacote de TV por assinatura e de dados do celular etc.

4. Pense duas vezes antes de comprar

Antes de realizar uma compra, certifique-se de que aquele item é realmente necessário. Se sim, certifique-se de que aquele é o melhor preço do mercado. Compre o estritamente necessário.

5. Otimize as compras do mercado

Antes de ir ao mercado, faça uma lista do que realmente precisa ser comprado. Procure seguir a lista à risca, sem fugir do que está no papel, a menos que você identifique algo que realmente necessita.

6. Liste suas dívidas

Coloque no papel todos os valores que você está devendo, com parcelas e taxas de juros. Especifique a natureza de cada dívida. Ter uma noção real da sua dívida ajudará a pensar em soluções.

7. Quite todas as dívidas

Na maioria das vezes, as dívidas vêm acompanhadas de taxas de juros que aumentam o valor do montante que será pago no final. Sempre que houver possibilidade de redução da taxa de juros, concentre esforços para antecipar as parcelas. Assim você irá reduzir o valor das suas dívidas, podendo se livrar delas mais cedo do que o esperado.

8. Tenha uma reserva de emergência

Todo mês, separe uma parte do seu salário em uma caderneta de poupança ou aplicação, para uma emergência futura. Para facilitar, já adicione o valor à sua planilha de custos e faça seu planejamento já sem contar com aquele valor. Nunca se sabe o dia de amanhã.

9. Evite o parcelamento de compras

Quando você só olha para o valor da parcela, fica fácil imaginar que aquele valor não causará estragos em seu orçamento. O problema é que várias parcelas podem significar uma fatura com um valor bem alto e que pode durar por um tempo indesejado. Evite sustos no fim do mês.

10. Monte o seu planejamento financeiro

Agora que você já tem uma visão geral de quanto entra (receita) e quanto sai de dinheiro (despesa), ficará mais fácil planejar seus meses futuros. Um bom planejamento financeiro garantirá um futuro com maior segurança.

Tomando todos esses cuidados, a próxima dica é: aproveite a vida!

Compartilhe com seus amigos