Passou dos 30 anos e ainda não organizou sua aposentadoria? Saiba que começar a se planejar financeiramente desde cedo pode ajudar a garantir tranquilidade para seu futuro e segurança para sua família. 

Especialistas afirmam que, independentemente da renda, é possível aprender a poupar dinheiro e a se preparar para uma aposentadoria despreocupada e estável. E quanto antes começar, melhor. 

De acordo com Luiz Felizardo Barroso, presidente da Cobrart Gestão de Ativos e membro da Academia Fluminense de Letras, o hábito de poupar deve começar desde cedo. 

“Começando precocemente, você estará administrando tostões e, destes, você deve bem cuidar e desde cedo, pois os milhões, ah! Os milhões, estes se cuidam sozinhos”, enuncia. Ou seja, mesmo começando com pouco, desde que começando cedo, é possível garantir estabilidade financeira ao longo do tempo.

4 passos para garantir uma aposentadoria tranquila 

Decida quando quer se aposentar

O primeiro passo para planejar sua aposentadoria é pensar com que idade deseja parar de trabalhar. Considere sempre que o valor investido mensalmente será inversamente proporcional ao tempo que falta para que você se aposente.

Ou seja, quanto mais tempo faltar para sua aposentadoria, menos você precisa juntar por mês. Por isso, se começar a se planejar com 30 anos, precisará investir menos dinheiro por mês até o dia em que parar de trabalhar. No entanto, se começar com 40 ou 50 anos, o valor será mais alto e o rendimento ao final será menor.

“Você deve calcular com que idade quer se aposentar e com quais vencimentos”, explica Barroso. “Quando a idade chegar, divida o montante que você pretende dispor ao se aposentar pelo número de meses que faltam para sua aposentadoria”. A quantia aplicada por mês depende do valor que deseja ter disponível quando se aposentar.

Trace objetivos

Ao planejar seu futuro, pense também em seus objetivos. Do que você precisa para ter uma aposentadoria tranquila e estável? Qual é o valor necessário para que isso aconteça? Só com uma meta bem definida é possível estimar o valor necessário para que você se aposente e o quanto precisa juntar por mês para que isso aconteça.

aposentadoria

Crédito: simona pilolla 2/shutterstock

Para ajudá-lo com isso, comece elencando toda as despesas que tem hoje e as que espera ter enquanto aposentado. Isso pode contribuir na hora de pensar em uma quantia mínima para viver sem preocupações no futuro.

Escolha onde aplicar seu dinheiro

Para garantir o dinheiro de sua aposentadoria, é necessário aplicá-lo em algum lugar. “Planos de previdência privada proporcionados pelas seguradoras e instituições financeiras são ótimos”, aponta Barroso. “Dão disciplina para poupar e podem ser deixados para qualquer pessoa, dependente ou não, sem passar por toda a processualística do inventário”.

Além disso, as previdências privadas costumam oferecer diferentes tipos de planos dependendo da necessidade e dos objetivos de cada pessoa, com regimes tributários específicos. São uma opção para quem não deseja depender apenas do INSS para se aposentar.

Não perca o foco

Para Barroso, existem três características fundamentais para quem deseja planejar a própria aposentadoria desde cedo: autodisciplina, determinação e motivação. Por mais que dê trabalho ou que o resultado não seja palpável no momento, é importante ter em mente os benefícios futuros, então mantenha a regularidade das aplicações.

“É certo que, com a longevidade, chega junto a falta de energia psíquica e física. Por isso, comece a poupar agora para se prevenir quando a idade chegar”, comenta o especialista.

Compartilhe com seus amigos

Receba os conteúdos do Instituto de Longevidade em seu e-mail. Inscreva-se: