De acordo com o 8º Índice de Confiança, estudo trimestral produzido pela empresa de recrutamentos Robert Half, 91% das companhias contratariam um profissional com idade igual ou superior a 50 anos.

O índice, que mapeia o sentimento dos profissionais qualificados com relação ao mercado de trabalho atual e futuro, também apontou as áreas que se mostram mais abertas a receber funcionários com curso superior e nessa faixa etária. São elas:

  • Gerência: 70%
  • Contabilidade: 60%
  • Jurídico: 52%
  • Tecnologia: 35%

Mas quando perguntadas sobre a existência de programas de contratação de funcionários com mais de 50 anos, 80% das empresas pesquisadas responderam que não possuem.


A MaturiJobs reúne oportunidades de trabalho, desenvolvimento pessoal e networking para profissionais maduros. Clique aqui e confira. 


O estudo também mapeou as empresas que possuem profissionais nessa faixa etária em seus quadros de funcionários e identificou quais as áreas que mais empregam os 50+. São elas:

  • Administrativo: 63%
  • Gerência: 67%
  • Tecnologia: 24%
  • Jurídico: 21%
  • Contabilidade: 29%

Para Leonardo Berto, gerente de recrutamento da Robert Half, o fato de as empresas não possuirem programas estruturados de contratação para esses profissionais não significa necessariamente que elas não contratem trabalhadores com idade igual ou superior a 50 anos.

Berto avalia que a maior preferência das áreas administrativa e de gestão acontece por causa da experiência e da assertividade de profissionais maduros. Ele ainda acrescenta que setores que contam com regulação, como energia, telecomunicações e infraestrutura, também seguem esse pensamento.

"Para serem valorizados, os profissionais com mais de 50 anos devem mostrar seu interesse em continuar ativos no mercado, demonstrando energia e disposição, antenados com as novidades tecnológicas e tendências de gestão", afirmou o gerente ao portal de notícias G1.

Compartilhe com seus amigos

Receba os conteúdos do Instituto de Longevidade em seu e-mail. Inscreva-se: