É fato: com a idade, a pele fica mais fina, com uma proteção dérmica menor. Junte isso às baixas temperaturas, à menor umidade do ar e à redução na transpiração, e o resultado são lugares do corpo mais ásperos e ressecados. Por vezes, até descamando. O inverno pede mais cuidados com a pele.

Combater esses problemas apenas com hidratante é um erro, ensina a dermatologista Magda Expósito, da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Há uma série de medidas que devem ser tomadas, a começar pelo banho. No chuveiro, por mais delicioso que seja permanecer debaixo d’água quentinha, é necessário ficar atento aos cuidados com a pele, nada de ficar muito tempo. Cronometre para que ele seja rápido. E garanta que a temperatura não esteja alta demais. Prefira o morno ao quente, assim evita-se remover a oleosidade da pele, que funciona como proteção.


Tenha acesso aos melhores conteúdos informativos. Clique aqui e faça parte do grupo de Whatsapp do Instituto de Longevidade!


Há uma dica também no uso do sabonete, indica a médica, que é também colaboradora do Departamento de Cosmiatria da Faculdade de Medicina do ABC. O produto deve ser suave, não abrasivo. Ao aplicá-lo na pele, evite ensaboar demais. E nada de bucha. A combinação dos dois retira a hidratação natural da pele.

Se você é uma daquelas pessoas que gosta de investir em dois banhos durante o dia, a recomendação da especialista é evitar usar sabão novamente em todo o corpo. Siga os mesmos procedimentos do primeiro, em relação à temperatura e à duração, e aplique apenas as dobras, como axilas e virilhas.

Quando a pele ressecar, ensina a especialista, é preciso escolher um hidratante sem perfumes ou corantes. “Os com base em ureia costumam hidratar bem. Mas, para saber o melhor para cada tipo de pele e para cada caso, o melhor ter a orientação de um dermatologista.” Aplique após o banho, ainda com a pele úmida, para que o produto penetre melhor na pele.

E quem acha que a alimentação não tem reflexo direto na pele se engana. A orientação dos dermatologistas é acostumar-se a comer legumes, hortaliças e frutas, que ajudam a prevenir o envelhecimento, e a ingerir água – o que muita gente evita por causa do frio.

Compartilhe com seus amigos