Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a geladeira nem sempre é o lugar mais seguro para a conservação de alimentos. É verdade que muitos produtos precisam ser guardados em ambientes refrigerados para que não estraguem, porém outros, como biscoitos e mel, devem ser mantidos fora da geladeira.


Notícias, matérias e entrevistas sobre tudo o que você precisa saber. Clique aqui e participe do grupo de Whatsapp do Instituto de Longevidade!


Para ajudar você a manter sua comida saudável e evitar o desperdício, conversamos com a técnica em rotulagem de alimentos Fernanda Martins. Confira abaixo.

Conservação de alimentos na geladeira: o que pode e o que não pode?

Maionese e molhos industrializados para salada 

O ideal é que ambos os ingredientes sejam armazenados em local seco e arejado caso ainda não tenham sido usados. No entanto, Fernanda garante que não existem malefícios em guardá-los na geladeira se ainda não estiverem abertos. 

“Porém, se o produto vai ser usado em uma preparação culinária, pode ser melhor mantê-lo em temperatura ambiente para facilitar incorporação com outros ingredientes e evitar que água seja eliminada do produto”, afirma.

Após o uso, a maionese e os molhos para salada devem ser guardados na geladeira por até 30 dias ou pelo tempo indicado pelo fabricante.

Biscoitos

Não importa se você prefere chamá-los de bolacha ou biscoito, o importante é não guardá-los na geladeira. “Isso porque eles podem sofrer alterações de textura, perdendo o sabor e aquela crocância característica do produto”, explica a especialista. Por isso, o recomendado é que o biscoito seja armazenado em local fresco.

Aveia em flocos, sementes e grãos 

Em geral, pequenos caroços podem surgir nesses alimentos se forem guardados na geladeira. Por isso, Fernanda recomenda que eles sejam armazenados em locais livres de umidade.

Se forem integrais, no entanto, ela orienta que sejam conservados em ambientes de baixa temperatura. Assim, é possível prolongar sua vida útil. “Isso porque alguns produtos com alto teor de gorduras poli-insaturadas podem ser mais suscetíveis à oxidação e a baixa temperatura retarda esse processo”, comenta.

Mel

De acordo com Fernanda, o mel não pode ser guardado na geladeira, pois o resfriamento promove a formação de cristais em sua estrutura e engrossa sua textura. Por ser um alimento totalmente natural, não costuma estragar, mesmo quando em ambientes em temperatura natural.

Batatas

Outro alimento que não deve ir à geladeira é a batata, ao contrário do que muitos imaginam. A baixa temperatura faz com que o amido se transforme em açúcar, o que provoca uma mudança na cor, no sabor e na textura do vegetal. Assim, um local fresco, arejado e escuro é o ideal para conservar batatas.

Manteiga

Por ser um produto formado basicamente por gordura láctea, a manteiga não pode ser conservada em temperatura ambiente. Se ela não estiver em um local refrigerado, pode correr o risco de desenvolver bactérias e fungos. 

“E isso é capaz de deixá-la rançosa e amarga, podendo provocar até mesmo intoxicação alimentar”, explica Fernanda. Portanto, o armazenamento em geladeira prolonga a vida útil da manteiga e favorece a segurança de quem a consome.

Pão

Apesar de muitas pessoas deixarem o pão na geladeira para fazer com que renda por mais tempo, esse não é o indicado. Quando guardado na geladeira, o pão se resseca e fica inadequado para o consumo. Uma dica seria armazená-lo no congelador e aquecer no forno na hora de comer. Assim, ele volta a ficar crocante.

Caldos e temperos

“Existem consumidores que os armazenam na geladeira, mas não é necessário”, aponta a especialista. “A conservação em local fresco e arejado é suficiente para garantir segurança e qualidade ao produto”. 

Ketchup e mostarda

Devem ser guardados em local seco e arejado antes que sejam abertos e, após isso, podem ficar até três dias em ambiente não refrigerado. Depois desse período, Fernanda afirma que devem ser colocados na geladeira e devem ser consumidos em no máximo dois meses ou no tempo sugerido pelo fabricante.

Vegetais em conserva

Não precisam ser armazenados na geladeira se não estiverem abertos, podendo ficar em local fresco e arejado. “Contudo, após abertos, devem ser conservados entre 4ºC a 8ºC e consumidos em até 24 horas”, explica Fernanda.

Café

O café em pó não pode ser armazenado em geladeira, senão condensa e fica com o sabor alterado. Ele deve ser conservado em recipientes hermeticamente fechados e mantido em local fresco e arejado.

Compartilhe com seus amigos

Receba os conteúdos do Instituto de Longevidade em seu e-mail. Inscreva-se: