A dica de beleza é de especialistas: a quarentena é um excelente momento para fazer um detox nos cabelos, na pele e nas unhas. Confira, a seguir, os benefícios para a sua saúde ao deixar de lado a vaidade – nem que seja por um curto período – e investir no autocuidado e no bem-estar. 


Proteger o seu capital e a sua família com um bom seguro de vida é tão importante quanto investir. Conheça a WinSocial, a primeira seguradora do Brasil que recompensa seus hábitos saudáveis com descontos no seu seguro de vida.


Unhas 

"O uso contínuo de esmaltes deixa as unhas fracas e aumenta a probabilidade de desenvolver alguma micose, alerta a dermatologista Fabiana Seidl. Com esmalte, não conseguimos hidratar a placa ungueal, tornando as unhas mais frágeis e quebradiças."

Além disso, observa, os fungos, que causam as micoses, são oportunistas e se proliferam em ambientes úmidos e abafados. "Quando usamos esmalte continuamente, de certa forma, abafamos as unhas e ficamos mais vulneráveis a essa doença."

Para quem está manipulando produtos de limpeza e lavando muita louça, a dermatologista é categórica: use luvas grossas de borracha para se proteger da ação química e evitar que suas unhas fiquem úmidas e propiciem infecção por fungos. 

Na quarentena, ela sugere unhas bem cortadas, lixadas e sem esmalte nem base. Para retirar o esmalte, a dica de beleza é evitar acetona, que contribui para deixá-las frágeis; opte por removedor sem acetona ou óleo de banana. 

"Não recomendo unhas compridas, nem mesmo higienizando corretamente, pois funcionam como um reservatório para bactérias, fungos e vírus", diz.

Também deve-se evitar tirar as cutículas, que formam um escudo de proteção contra a entrada de fungos e bactérias. "Quando usamos o alicate para retirá-las, provocamos pequenos traumas, que podem facilitar infecções por micro-organismos, além de poder desencadear processos inflamatórios e levar ao aparecimento de granuloma piogênico [carne esponjosa]." 

"Se tiver alguma [cutícula] incomodando um pouco mais, o que pode ser feito é empurrar delicadamente, após hidratá-la, e fazer a retirada com alicate, de forma superficial e sem aprofundar. Caso aconteça algum corte, o ideal é lavar bem e utilizar um spray antisséptico para limpar", ensina. 

dica de belezaMichal Ludwiczak/Shutterstock

Além disso, "quando lavamos muito as mãos e utilizamos álcool em gel", recomendações importantes para evitar o novo coronavírus, "as cutículas ficam muito ressecadas e mais evidentes, e a unha, frágil, quebrando com mais facilidade", pontua. 

"Por isso aconselho hidratar as mãos após cada lavagem e, ao longo do dia, aplicar ceras, óleos ou pomadas hidratantes, unha por unha, fazendo uma leve massagem." Embora existam produtos específicos, Fabiana diz que "o óleo de amêndoas cumpre muito bem a função". 

Pele do rosto 

"O detox na quarentena é positivo, sobretudo para quem vinha usando continuamente uma série de produtos na face", aponta o dermatologista Franklin Verissimo. "A pele estará mais livre de químicas", pontua. 

Além disso, observa, deixar de usar maquiagem "pode evitar quadros de acne ou de irritação na pele". Mas destaca que, mesmo dentro de casa, o protetor solar é necessário: "A luz emitida por TV, lâmpadas, computador e celular atingem nossa pele". 

A dica de beleza da dermatologista Mariana Chambarelli é aproveitar a quarentena para investir não só numa limpeza profunda, mas também na tonificação e na hidratação da pele. 

São apenas três passos: 

  1. Remova a maquiagem ou o protetor solar com água micelar e higienize o rosto com um sabonete específico para o seu tipo de pele; 

  1. Em seguida, use um tônico também específico para o seu tipo de pele; 

  1. Logo após, aplique a máscara escolhida e deixe agir conforme instruções. 

Cabelos 

"Tingir com frequência os cabelos, com o passar do tempo, pode deixá-los mais secos, opacos e quebradiços, adverte a dermatologista Kate Koetz. Nas pessoas mais sensíveis, descamação e vermelhidão no couro cabeludo são mais frequentes. Se os fios brancos começarem a incomodar, a sugestão é usar sprays para a raiz, "que funcionam como uma maquiagem para escondê-los".

Na quarentena, a especialista recomenda o uso semanal de óleos vegetais para a hidratação dos fios. Uma dica de beleza é, antes do xampu, aplicar óleo vegetal  como o de coco  em todo o comprimento e aguardar 20 minutos. "Depois, é só lavar o cabelo normalmente. Isso garante que a hidratação do fio não seja retirada durante a lavagem".

Outra sugestão é acrescentar uma colher de sopa de óleo de coco em duas colheres de sopa de máscara hidratante e aplicar também uma vez na semana. Ou mesmo fazer sua máscara hidratante natural em casa com um abacate. "Amasse muito bem uma unidade pequena e misture com duas colheres de chá de mel. Aplique no comprimento dos fios, deixe por 20 minutos e depois enxágue". 

Em tempo: alguns cuidados básicos são essenciais para manter a saúde dos fios. "Use sempre água morna, lave os cabelos todos os dias ou no máximo em dias alternados, não aplique muito xampu  o equivalente a uma moeda de um real é o suficiente  jamais use condicionador direto no couro cabeludo".

"Esse autocuidado proporciona prazer, relaxamento e bem-estar", finaliza. 

Compartilhe com seus amigos

Receba os conteúdos do Instituto de Longevidade em seu e-mail. Inscreva-se: