Home > trabalho > Startup só emprega quem tem mais de 55 anos

Startup só emprega quem tem mais de 55 anos

Objetivo é mostrar que a idade não conta na hora de ser produtivo e minimizar preconceito no mercado de trabalho da Coreia do Sul

55 anos
A cada 50 minutos de trabalho, há 10 minutos para descanso; Crédito: Channel NewsAsia.

Algumas companhias já contam com iniciativas que integram e valorizam os profissionais mais maduros. Mas a startup coreana EverYoung (sempre jovem, em tradução literal), que faz monitoramento de conteúdo da internet, vai além: todos os seus funcionários têm mais de 55 anos de idade. 

Trata-se de uma regra da casa para combater o preconceito que acomete os mais velhos no mercado de trabalho da Coreia do Sul, segundo o dono da empresa, Chung Eunsung, de 56 anos.  

Ele enxerga vantagens no desempenho dos veteranos em relação ao dos jovens, especialmente no que diz respeito a manter o foco no trabalho. E aqui falamos de uma área de atuação, a de TI (tecnologia da informação), em que o predomínio dos mais novos é característico. 

Fundada em 2013, com um time de 30 empregados, hoje a EverYoung tem 420 

Embora a idade mínima para a aposentadoria na Coreia seja de 60 anos, na prática as portas das corporações costumam se fechar para as pessoas antes mesmo de completarem as seis décadas de vida. 

Pesquisas evidenciam as barreiras de entrada para os mais maduros: cerca de 80% dos coreanos que têm entre 20 e 50 anos temem pelo fim precoce de suas vidas produtivas. 

55 anos
Comemorar aniversário é um bônus no conceito da empresa; Crédito: Channel NewsAsia.

Não perca nenhuma matéria. Cadastre-se e receba em seu e-mail.

Na EverYoung, as condições de trabalho favorecem o bom desempenho. Os turnos são de 4 horas diárias, e cada uma delas se divide em 50 minutos para produção e 10 minutos para descanso.  

55 anos
Os funcionários da startup também dão aulas de computação para crianças; Crédito: Channel NewsAsia.

Os funcionários mantêm sua dinâmica exercendo ainda atividades paralelas, como dar aulas de programação para crianças. A startup foi fundada em 2013, com um time de 30 empregados – hoje são 420. Pelo visto, experiência e inclusão também são sinônimo de crescimento saudável. 

Clique aqui e leia tambémGol abre vagas para seniores; conheça mais empresas que contratam 50+ 

Conheça nossos serviços gratuitos de requalificação profissional e aproveite.

Aproveitar agora

Leia Também